Pesquisar este blog

Uma Divina Comédia



eu escolho deus


Uma Divina Comédia

-Por Burk Parsons

Infelizmente, eu tenho que admitir a verdade lamentável que eu sou um ex-membro de uma 'boyband'. Em Janeiro de 1993, eu fui escolhido para ser um dos primeiros membros do grupo pop "The Backstreet Boys". Como um cantor dentro do grupo de cinco membros, eu fui treinado para cantar e dançar, e eu era profissionalmente treinado para ser um artista no mundo do show business. Após vários meses vivendo a vida de um promissor astro do pop, uma semana antes de nossa primeira sessão de fotos, eu entrei no escritório do nosso empresário e desisti. Eu lhe disse de maneira simples que eu não tinha sido chamado para ser um artista, mas que acreditava que Deus estava me chamando para ser um ministro.

Dois anos após minha decisão de sair do grupo, eu fui abordado pelo mesmo empresário que me pediu para considerar tornar-me o primeiro membro de um novo grupo pop que mais tarde foi chamado “NSYNC”. Depois de considerar a sua oferta por quase uma semana, eu cheguei a mesma conclusão de antes. O Senhor não tinha me chamado para fora do mundo a fim de entreter o mundo. O Senhor deixou claro para mim que eu deveria servi-Lo, e a Ele somente, e que a minha vida pertence a Ele, não ao mundo.

O mundo do show business é o mundo do entretenimento no qual o homem é o centro. A filosofia fundamental do entretenimento centrado no homem é fazer o que for preciso para atrair milhões de fãs e fazer milhões de dólares. Se os gurus do entretenimento não estão sensíveis aos caprichos e fantasias de seu público-alvo, e se eles não estão sensíveis a cada novo modismo cultural que entra em cena diariamente, eles vão deixar de atrair os números e de fazer seus milhões.


Infelizmente, isso tem se tornado a filosofia de muitos evangélicos. Eles tem sucumbido a ideia sedutora de que a igreja deve ser sensível aos caprichos e fantasias das pessoas que contemplam sua própria fidelidade e adoração a Cristo. E enquanto eu considero o estado da igreja evangélica no inicio do séc. XXI, eu observo um povo que trocou a adoração centrada em Deus pelo entretenimento centrado no homem que está fundamentado sobre os princípios de uma cultura em constante mudança, ao invés de estar fundamentado nos princípios imutáveis da Palavra de Deus. Mas Ele não nos chamou para inventar os nossos próprios princípios cuidadosamente elaborados para governar nossa adoração a Ele, Ele nos chamou para adorá-Lo em tudo, numa vida coram Deo - diante da face de Deus - de acordo com a Sua Palavra estabelecida que transcende as tendências atuais da cultura moderna e o tradicionalismo humano do passado.

________________________
Traduzido por: Sara McHertt
Fonte: Ligonier Ministries
Via: Fireland Missions.

Nenhum comentário:

Postar um comentário