Pesquisar este blog

O NOVO NASCIMENTO



O NOVO NASCIMENTO

João 3: 1, 2, 3, 4,5 e 6 e em 1Pedro 2: 1,2,3e 9 
João 3: 1, 2, 3

1- E havia entre os fariseus um homem, chamado Nicodemos, príncipe dos judeus.
2 - Este foi ter de noite com Jesus, e disse-lhe: Rabi, bem sabemos que és Mestre, vindo de Deus; porque ninguém pode fazer estes sinais que tu fazes, se Deus não for com ele.
3 - Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus.
4 - Disse-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? Pode, porventura, tornar a entrar no ventre de sua mãe, e nascer?
5 - Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus.
6 - O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito.

1Pedro 2: 1, 2,3e 9

1 - DEIXANDO, pois, toda a malícia, e todo o engano, e fingimentos, e invejas, e todas as murmurações,
2 - Desejai afetuosamente, como meninos novamente nascidos, o leite racional, não falsificado, para que por ele vades crescendo;
3 - Se é que já provastes que o SENHOR é benigno;
9 - Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.

O QUER DIZER NASCER DE NOVO?

A Bíblia declara que um membro do Sinédrio (Supremo Conselho entre os Judeus), de nome Nicodemos, encontrou-se com o Senhor Jesus Cristo quem sabe para receber a luz espiritual que sua vida carecia. O Divino Mestre disse-lhe frontalmente que precisava nascer de novo, coisa que esse doutor da lei não entendeu. Nicodemos, piedoso mestre em Israel, precisava nascer espiritualmente _ necessidade aliás comum a todo o ser humano __ a fim de entrar no reino de Deus. À luz do ensino bíblico, quem não nascer de novo jamais desfrutará a vida eterna, jamais se salvará.
Em João 3: 1 a 6, Jesus trata de uma das doutrinas fundamentais da fé cristã: A REGENARAÇAO ou o NASCIMENTO ESPIRITUAL. Sem o novo nascimento, ninguém poderá ver o reino de Deus e receber a vida eterna e a salvação mediante Jesus Cristo.
É interessante saber aqui o significado da palavra REGENERAÇAO. Regenerar segundo do dicionário significa: efetuar completa reforma moral, recriar, reconstituir,  formar-se de novo.
A regeneração significa uma transformação da pessoa, conforme podemos comprovar em Romanos 12:2 que diz: “E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.”
Essa transformação só pode ser efetuada por Deus e pelo Espírito Santo. Em Tito 3:5 nós temos a afirmação dessa ideia, pois lá está escrito:  “Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo.”

Por esta operação, a vida eterna da parte do próprio Deus é concedida ao crente e este se torna filho de Deus e uma Nova criatura. Veja o que diz Gálatas 3:26 “Porque todos sois filhos de Deus pela fé em Cristo Jesus.” Em Colossenses 3:10, lemos:   “E vos vestistes do novo, que se renova para o conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou.”

Nós não nascemos filhos de Deus, nós nos tornamos filhos de Deus quando confessamos que cremos e aceitamos o Senhor Jesus como nosso Salvador. E como filhos de Deus, após a REGENERAÇÃO, não nos conformamos mais com este mundo porque fomos recriados espiritualmente segundo Deus “em verdadeira justiça e santidade”. Efésios 4:24: comprova isso: “E vos revistais do novo homem, que segundo Deus é criado em verdadeira justiça e santidade.”

A regeneração é necessária porque, apartados de Cristo, todo ser humano, pela sua natureza inerente e pecadora, é incapaz de obedecer a Deus e de agradar-lhe. Ela  tem lugar naquele que se arrepende dos seus pecados, volta-se para Deus e coloca sua fé pessoal em Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador.  Envolve a mudança da velha vida de pecado em uma nova vida de obediência a Jesus Cristo. O desejo de praticar o mal vai desaparecendo à medida que a fé em Jesus vai aparecendo, e tudo se torna novo, diferente. A maneira de pensar, sentir e agir toma outro rumo.
Surge então uma “nova pessoa”, com um desejo ardente de praticar o bem; começa a brotar no coração uma alegria única que ocupa o lugar da tristeza, surge um conforto espiritual, uma paz que inunda todo o ser, um sentimento de amor vai se apossando e vai crescendo, dia após dia, tornando a pessoa mais cordial, mais compreensiva, mais sensata, perdoadora e com imensa vontade de viver para louvar e glorificar a Jesus.
Aquele que realmente nasceu de novo está liberto do poder das trevas e da escravidão do pecado e passa a ter desejo e disposição espiritual de obedecer a Deus e de seguir a direção do Espírito Santo. Vive uma vida de retidão, conforme o que diz João 2:29 “Se sabeis que ele é justo, sabeis que todo aquele que pratica a justiça é nascido dele.  Ama aos demais crentes, evita uma vida de pecado e não ama o mundo.
Aqueles que continuam vivendo na imoralidade e nos caminhos pecaminosos do mundo, contaminados com vícios, erros de todas as espécies, mentira, prostituição, imoralidade, demonstram que ainda não nasceram de novo. I João 3: 6 e 7 diz: “Qualquer que permanece nele não peca; qualquer que peca não o viu nem o conheceu. Filhinhos, ninguém vos engane. Quem pratica justiça é justo, assim como ele é justo.”

O novo nascimento não pode ser equiparado ao nascimento físico, pois o relacionamento entre Deus e o salvo é questão do espírito e não da carne. O relacionamento que Deus quer manter conosco, é voluntário porque o Espírito Santo não força a vontade de ninguém, Ele só age quando alguém lhe dá oportunidade para isso. Quando o homem se reconhece como pecador, já é uma abertura para o Espírito Santo iniciar o seu trabalho.  Nosso relacionamento com Deus está condicionado pela nossa fé em Cristo durante nossa vida terrena, fé demonstrada numa vida de obediência e amor sinceros.
Nicodemos não podia entender realmente o que Jesus estava querendo dizer e por isso, perguntou ao Mestre: “Como pode um homem nascer, sendo velho? Pode, porventura, tornar a entrar no ventre de sua mãe, e nascer?”
O novo nascimento é a transformação produzida pelo Espírito Santo na personalidade humana através da fé em Jesus Cristo. O que estava sendo focalizado aqui é um nascimento interior, produzido por leis espirituais, que tem sua origem em Deus e que transporta o homem do seu estado pecaminoso para uma vida com Deus.  Isto não é privilégio que se adquire por dinheiro ou méritos pessoais. Não é prerrogativa que se alcança pela vontade, inteligência, cultura ou por outros meios humanos.
            Jesus enfatizou que quem nasce da carne é carne; mas, quem nasce por meio de uma obra produzida no homem interior pelo Espírito Santo, esse sim, teria experimentado verdadeiramente o novo nascimento.
Nascer de novo, então, significa aceitar Jesus como seu único e suficiente Salvador. Passar, através deste necessário e maravilhoso ato por um processo de transformação. A Bíblia diz em II Coríntios 5: 17 – “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.”.
Toda vida cristã se inicia com o novo nascimento, que acontece com o arrependimento, o perdão dos pecados e a tomada de posição para uma mudança de vida.
            À medida que a pessoa vai conhecendo a Deus por meio de Sua Palavra, ela vai crescendo na graça e no conhecimento do Senhor Jesus Cristo.
            Quem se identifica com Cristo, preocupa-se em buscar a santificação, isto é o que confirma Hebreus 12: 14 que diz: “Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor;”.
Tal pessoa sabe que, agora, pertence ao povo de Deus, e Ele mesmo ordenou ao seu povo que buscasse a santificação, conforme comprova Levítico 20:7 –“Portanto santificai-vos, e sede santos, pois eu sou o SENHOR vosso Deus.”
O cristão é separado do mundo, do pecado; porque nasceu de novo, tornando-se, dessa forma, participante da natureza divina, de acordo com o que diz I Pedro 1:4 – “Para uma herança incorruptível, incontaminável, e que não se pode murchar, guardada nos céus para vós”.
A santificação não é algo que se consiga de uma hora para outra. Ela é adquirida gradativamente, com esforço e busca incessante e inclui vários aspectos. É como se o cristão estivesse subindo uma escada, bem devagar, de degrau a degrau para alcançar finalmente o topo, que é a vida celestial com Cristo Jesus.

O primeiro desses aspectos é a DEDICAÇÃO que implica em fazer uma opção e apegar a ela com toda a vontade, o que não é fácil, porém, quem não se dispuser a isso para se dedicar ao Senhor, não é digno Dele.

O segundo aspecto é a PURIFIRCAÇÃO que significa limpeza, isenção do que é sujo. Deus ama o pecador, mas não suporta o pecado, porque é uma transgressão à Sua Santidade. A santificação requer pureza. Só os puros verão a Deus. O Salmo 24:3 e 4 diz; - “Quem subirá ao monte do SENHOR, ou quem estará no seu lugar santo? 4 - Aquele que é limpo de mãos e puro de coração, que não entrega a sua alma à vaidade, nem jura enganosamente.”

O terceiro aspecto e a CONSAGRAÇÃO que significa dedicação no sentido de viver para Deus. A consagração requer um viver justo e santo.
O quarto aspecto é o SERVIÇO. É para isso que o cristão foi chamado, para servir ao Senhor e adorá-lo O apostolo Paulo entendia bem essa situação. Em Atos 27: 23 ele declara que pertencia ao Senhor e também o servia.
O novo nascimento é igual ao vento. Jesus disse que não podemos vê-lo, mas seus resultados são bem evidentes. Esses resultados implicam em mudança de vida, negar-se a si mesmo e viver de acordo com a vontade de Deus.

Concluindo:
Nascer de novo significa reconhecer o sacrifício que Jesus fez na cruz e aceitá-lo  como nosso Salvador.
Como se faz isso? É simples. Declare que Jesus é seu único e suficiente salvador, confesse seus pecados para Deus e peça para que o Senhor Jesus venha morar em seu coração e transformar sua vida.
Em João 14:6  Jesus mesmo disse: “Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.”

Deixe Jesus transformar sua vida como Ele fez comigo. Amem!?


Que o Espírito Santo de Deus complete esta palavra no meu e no teu coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário