Pesquisar este blog

EM BUSCA DE UM CORAÇÃO SÁBIO



EM BUSCA DE UM CORAÇÃO SÁBIO
“Ensina-me a contar os meus dias de tal forma que alcance um coração sábio”.
Salmo 90:12

Os que não têm mais sede em aprender é porque se tornaram como barro endurecido pelo sol causticante da presunção. Não são mais maleáveis nas mãos do Artífice.
 A oração que o salmista faz revela-nos:

Que os dias de nossas vidas não servem apenas para compor o ciclo de anos de nossa existência. Eles existem para serem contados.
Quer dizer que devemos viver cada dia como se fosse único. E o é. Pois um dia perdido, passado em branco ou desapercebido, nunca mais voltará.
Não é bem uma questão de fazermos ou não alguma coisa, alguma atividade ou algo que seja “útil”, mas sim de vivermos cada dia com as implicações, oportunidades, desafios ou adversidades que ele traz consigo.   Por isso Jesus disse que basta a cada dia suas próprias preocupações.
Ficar ansioso pelo dia de amanhã nos faz perder o dia de hoje. O dia de amanhã não pode nos ensinar nada, pois ele ainda não aconteceu. Só podemos aprender com os dias que vivemos ou que estamos vivendo.
Por isso o salmista ora: “Ensina-me a contar os meus dias”. A gente só conta o que tem.
O que o salmista está buscando em Deus é a capacidade de experimentar cada dia de sua vida como se fosse único.

     Ele também nos revela que é através dos dias que vamos amadurecendo.
 Eleentende que quanto mais diasvive, mais amadurecido como ser humano  deve se encontrar.
Por isso consta em sua oração: “De tal forma que alcance coração sábio”.
O salmista não pensa apenas em experiência racional, mas sim, que marquem profundamente seu coração. Ele não deseja apenas o que é prático de cada dia, mas o que diz respeito à alma. Parece que ele deseja crescer, sem se embrutecer. Deseja conhecer, sem se tornar descrente. Deseja saber, sem se tornar soberbo. Deseja aprender com a mente e com o coração. Deseja ser realista sem perder a doçura, a ternura.
Muitos passam seus dias reclamando enquanto deveriam estar aprendendo com ele.

Muitas pessoas esbanjam seus dias em meio aos prazeres que a vida lhes oferece, enquanto deveriam fazer melhor proveito dela.  Quando despertarem, (se despertarem) para a vida, talvez já seja bastante avançado em dias e pouco aproveite dela.
Algumas pensam que os dias são todos iguais, mas não são. Todos os dias ocorrem mudanças.  As oportunidades mudam. As condições mudam. Quem hoje está bem amanhã pode estar mal e quem hoje está mal amanhã pode estar bem. E assim por diante. Dessa forma,necessitamos aprender a contar os nossos dias para que sejamos pessoas maduras, que sabem lidar com a vida.

Contar os dias de tal forma que se alcance um coração sábio, se traduz na somatória de pelo menos cinco aspectos:

a) -Sabedoria   _ quando se adquire pela assimilação das  experiências vividas.
Quem nada tira de aprendizado das experiências vividas, sejam boas ou ruins, será sempre um tolo.

b) - Sabedoriaque se evidencia quando não mais incorremos nos mesmos erros.
Os erros podem carregar em si o propósito de nos ensinar o que é certo e nos tornar maduros, mas, com certeza, nãopara serem repetidos.

c)Humildade e sede de aprender.
Triste da pessoa que pensa já sabertudo e que  nada mais tem a aprender.
Os que não têm mais sede em aprender é porque se tornaram como barro endurecido. Não são mais maleáveis nas mãos do Artífice. São presunçosos.

d) A Sabedoria verdadeira e preciosa se adquire aos pés de Deus.
Por isso o salmista dirige sua oração a Deus. Provavelmente, depois de tantos dias vividos, ele tenha chegado à mesma conclusão que chegou o escritor de Eclesiastes, no capítulo 12:13: que diz: “Agora que já se ouviu tudo, aqui está a conclusão: Tema a Deus e obedeça aos seus mandamentos, porque isso é o essencial para o homem”.

Então, nós, tambémcomo o salmista, devemos  entenderque para alcançarmos um coração sábio, devemos
aprender o que diz o Salmo 111:10 que diz:
“ O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria; bom entendimento têm todos os que cumprem os seus mandamentos; o seu louvor permanece para sempre.
Este versículo nos mostra o que, realmente, serve de base para termos um coração sábio.
O único caminho para se tornar verdadeiramente sábio é temer a Deus.

Frequentemente as pessoas querem ignorar isso, pensando poderem ser sábias somente pelas experiências da vida e pelo conhecimento acadêmico, mas se não reconhecermos a Deus como fonte de sabedoria, o nosso alicerce para tomar decisões sábias será instável, e estaremos propensos a erros e escolhas tolas.

        Outra forma também de se obter um coração sábio está em :(Provérbios 3:5) –“Confia no SENHOR de todo o teu coração, e não te estribes no teu próprio entendimento.”

    Confiar em Deusde todo nosso coração é o inverso de duvidar dEle e de sua palavra. Essa confiança é fundamental em nosso relacionamento com Deus porque Ele é fidedigno.
 Como filhos de Deus, podemos ter certeza de que nosso pai celestial nos ama e que cuidará fielmente de nós e nos conduzirá aocerto e cumprirá suas promessas. Nos momentos difíceis e nos momentos bons podemos ter a certeza de que Deus está conosco. e pronto para agir em nosso favor.

      Ser sábio, significa viver e pensar em conformidade com a verdade de Deus, com seus caminhos e seus desígnios. Importa em considerar a totalidade da vida do ponto de vista de Deus, crendo que tudo que Ele diz é certo e verdadeiro. Obtém sabedoria somente quem a busca através de um relacionamento correto com Deus. Isso é confirmado em Provérbios 2:10 que diz “ Porquanto a sabedoria entrará no teu coração, e o conhecimento será agradável à tua alma.”

     Portanto, devemos ter humildade e sede de aprender aquilo que Deus nos ensina porque é triste a pessoa que pensa saber de tudo e que mais nada tem a aprender, este, que não tem mais sede de aprender se tornaram como barro endurecido , não são mais maleáveis nas mão do artífice.

    A pessoa que adquireum coração sábio tem a certeza de que quanto mais vive mais percebe que a vida só é vida plena quando se crê que  Deus existe e que é totalmente dependente Dele.

Que a nossa oração projete a mesma sede e busca do salmista: que Deus nos dê a graça de aprendermos a viver cada dia de nossas vidas de maneira tal que esse viver nos torne pessoas mais sábias e maduras. Amém!
Que o Espírito Santo complete esta palavra no meu e no teu coração. Amém!

LEIA TAMBÉM! 

O Culto que Deus não aceita - Joseph Alleine (1634-1668)


2 comentários: